A Clandestina nasce de um sonho. Um sonho de cidade viva, vivaz, vivida. Um sonho de gente reunida, de informação ao acesso de todos, de cultura do povo na boca do povo. Temos uma vontade ambiciosa de ajudar a fortalecer a cena de Porto Alegre e enxergamos nossa iniciativa como uma das muitas engrenagens que, juntas, podem sim gerar transformação.

Nascemos Clandestina porque temos um apreço pelo mistério, pelo que está ali, meio escondido, meio desconhecido.... mas que carrega uma luz própria, o valor das coisas que não são óbvias. Clandestina porque temos muito a descobrir da nossa cidade, porque sabemos quanta vida invisível há pelas ruas, quanta beleza há nas coisas pequenas.
Mas afinal, o que nos leva pra rua, o que é capaz de construir diversidade ou de nos surpreender? Quais são os recantos dessa rua onde cada um de nós pode se encontrar, se conhecer, se fundir? E em se conhecendo ou conhecendo aquilo que era mistério, o que gera a possibilidade de compartilhar essa descoberta com outras pessoas? O que nos toca? O que nos une?

Essas são algumas das perguntas que nos movem. Por elas e por muito mais, surge a Clandestina, uma revista digital de agenda e conteúdo de cultura em Porto Alegre. Um espaço em construção, que se propõe aberto e busca a participação de quem acredita na potência da cultura como transformadora da vida cotidiana.
EQUIPE

Idealizadora e editora

Jornalista e produtora cultural, tem especialização em Jornalismo Literário pela ABJL e Artes da Escrita pela Universidade Nova de Lisboa. Trabalhou com comunicação em Escolas, editoras, revistas, secretarias de comunicação e como freelancer em projetos culturais.

Idealizador e projetista

Geólogo, especialista em sustentabilidade pela FLACAM-Unesco e doutorado pela UFRGS na área de patrimônio geopaisagístico. Desenvolve projetos na área de cultura da Terra com ênfase em educação e gestão sustentável de projetos.

Assessora de comunicação

Jornalista formada pela PUCRS com experiência em comunicação digital e jornalismo cultural. Já trabalhou com curadoria musical, assessoria de imprensa, mídias digitais, fotografia e produção de conteúdo.

Designer gráfica

Formada em Design Gráfico pela Uniritter, trabalhou em agências de propaganda, escritórios de design gráfico e web. Sempre desenhou e suas ilustrações são um diferencial dentro da sua produção gráfica. Atualmente trabalha com tecnologias educacionais no Senac, mas sua linha de produção abraça diversas atividades, como ilustrações, artes visuais, graffiti e produção cultural.

CURADORES
Pedro Gusmão
Curador de Cinema e TV

Formado em Jornalismo e Direção Cinematográfica pela Escuela de Cine Bande à Part de Barcelona, é diretor, roteirista e montador. É sócio-fundador da Cinematográfica Sustentável, produtora focada em desenvolvimento e produção na área documental.

Fernando Ramos
Curador de Literatura

Idealizador e coordenador da FestiPoa Literária, é também produtor e apresentador do programa de literatura e variedades “Ligações perigosas" na rádio web mínimafm.

Mari Martinez
Curadora de Música

Jornalista graduada pela PUCRS, trabalhou na gestão de políticas públicas para a cultura por 10 anos. Atualmente é CEO do Hub Criativo Marquise 51, onde desenvolve projetos, intercâmbios culturais e soluções criativas para o mercado da música.

Édy Dutra
Curador de Música

Jornalista em formação pelo Centro Universitário Metodista – IPA, ativista da cultura carnavalesca, realiza trabalhos em Porto Alegre, no interior do Estado e no Rio de Janeiro. Finalista do prêmio Édison Carneiro (UFRJ) em 2014, na categoria de produção carnavalesca.

Marcela Ilha Bordin
Colaboradora de Cinema

Marcela Ilha Bordin tem formação em Jornalismo pela PUCRS e mestrado em Letras pela UFRGS. Atua na área de cinema, principalmente como roteirista, mas também escreve para revistas e periódicos e trabalha na organização e curadoria de mostras.

Pedro Bevilacqua
Curador de Artes Visuais

Historiador da arte em formação, curador independente e contemplador de paisagens infraordinárias.