Alessandro Rivellino, em passagem por Porto Alegre, realiza oficina

Cursos e oficinas

27 de março de 2020 a 29 de março de 2020

Nesta oficina surgem elementos de Dança Contemporânea, Contato Improvisação, Teatro Físico, Educação Somática e Butoh.

Após viajar por mais de 15 países, compartilhando seu trabalho, Alessandro Rivellino está em passagem por Porto Alegre e propõe a oficina “Dança para ser - dançada-”.

Dançar e ser dançade são possibilidades de um corpo interagir com e dar passagem às

forças que lhe atravessam. 

Deste modo se ancora o MA - espaço e tempo potencial onde tudo pode acontecer. Deste modo surge a Performance - Da observação de si mesmo e de si mesmo através do outro.

 

De onde surge a dança? 

Qual a diferença entre mover-se e dançar? 

Entre dançar e ser dançada?

Como é mesmo que chegamos a caminhar?

 

Tudo que se cria através da derrocada de um corpo social, aquilo que escapará dos impulsos pré-fabricados, atualizando o culto, cultura, onde os antepassados que já dançaram sustentam a terra para o nosso bailar reinventado.

 

Arte, Confiança, Prática.

Camadas finas de presença e caminhos por entre da pergunta 'o que pode um corpo'?! 

 

Tudo como estratégia para mover-se enquanto se está movendo, sentir o que se possa sentir enquanto se sente, e dar espaço interno para que as forças que sustentam as forças possam atuar.

 

Para que, quem sabe, surja a dança enquanto dançamos.

 

A oficina é destinada a artistas, atores, bailarines profissionais ou amadores, praticantes das áreas somáticas, meditadores, e seres animais-humanos com a intuição à flor da pele.

 

Como funciona?

São três dias de oficina. Em cada um dos dias se irá abordar diferentes perspectivas, mas que se complementam, e também bastam por si mesmas. Ou seja, se faz possível fazer um mergulho profundo ou somente entrar rápido na água.
 

Alessandro Rivellino investiga, pratica, ensina e interconecta Dança Contemporânea, Contato Improvisação, Educação Somática, Performance-Arte, Teatro Físico e Butoh. Com mais de 15 anos de entrega. Participou do Grupo Experimental de Dança durante quatro anos como aluno e oito como professor. Foi contemplado com o Prêmio Açorianos de Melhor Bailarino e de Excelência Artística e de Pesquisa. Também indicado como Melhor Diretor, Melhor Bailarino, Novas Mídias (03 vezes). Foi professor da Companhia Municipal de Dança de Porto Alegre. Possui o título de Mestre em Artes pela UFRGS. Foi contemplado pelo Edital FUMPROARTE Décio Freitas de apoio à pesquisa. Também contemplado pelo Edital FAC das Artes para criação artística. Com trabalhos autorais recebeu indicações de melhor espetáculo (02 vezes) e melhor produção. Reconhecido nacional e internacionalmente vem integrando, como professor e organizador, festivais, residências, workshops e aulas em distintos contextos e países como Brasil, Argentina, Uruguai, Chile, Peru, Equador, México, Irlanda, Itália, Alemanha, Holanda, Dinamarca, Espanha, Sérvia, Roménia, Moldávia, Rússia, Suiça, França, Israel.

SERVIÇO

Oficina “Dança para ser - dançada -”

Com Alessandro Rivellino

27, 28 e 29 de março

horários:

Sexta (19h-22h)

Sábado (13h-18h)

Domingo (10.30h -12.30h e 14h30 -18h)

Valores e disponibilidade são responsabilidades dos produtores

Valores:

Oficina completa: 200,00

Pagamento avulso por dia - sexta (70,00); sábado (70,00), domingo (100,00)

Compartilhe