01 de outubro de 2019

Mulheres no terror: Romance de Irka Barrios aborda bullying e orientação sexual

Lauren, livro de estreia da escritora, será lançado dia 3 de outubro na Capital

Literatura

A escritora Irka Barrios lança “Lauren, seu romance de estreia pela editora Caos & Letras, no dia 3 de outubro. O livro teve uma campanha bem sucedida de financiamento coletivo, superando a meta inicial.

A obra acompanha a personagem Lauren, uma pré-adolescente de uma cidade interiorana que enfrenta os dilemas da adolescência, a descoberta da bissexualidade, o bullying na escola, o moralismo religioso e, ainda de precisa lidar com fenômenos sombrios e misteriosos que a rodeiam. A cidade fictícia onde se passa a trama é repleta de lendas que envolvem assassinato, bruxaria e satanismo.

Enquanto é atormentada por forças estranhas e alucinações frequentes, a menina precisa amadurecer para se libertar das amarras não menos violentas de seu cotidiano: o autoritarismo da mãe, a imposição religiosa, a figura machista e abusadora de um pastor e as dificuldades de ser uma jovem inadaptada ao seu meio.

Com apresentação do escritor Luiz Antonio de Assis Brasil, o romance é repleto de referências literárias e cinematográficas do terror dos anos 80 e 90, sem deixar de lado temas sociais. Segundo a escritora, o terror tem potencial para desmistificar tabus impostos ao longo dos séculos. “A mulher, a virgindade, o sexo, o sangue menstrual, e tantas outras coisas, tudo é fruto de proibições, de tentativas de cercear o comportamento em sociedade”.

Irka Barrios é contista e novelista, mestre em Escrita Criativa (PUC-RS). Premiada no Concurso Brasil em Prosa (2015), com o conto "O coelho branco". Atua na organização do coletivo Mulherio das Letras – RS. Tem contos publicados nos livros Língua Rara (Ediciones Outsider, 2017), “Cem anos de Amor, Loucura e Morte” (Editora Moinhos, 2017) e “Não culpe o narrador” (Editora Bestiário, 2018).

 

Compartilhe
GALERIA DE FOTOS